Cuidado com o coração: entenda como evitar um infarto

O infarto é caracterizado pelo bloqueio da artéria coronária por um coágulo de sangue, causando a falta de sangue oxigenado no coração e o levando a necrose. Doença que acomete principalmente homens com idade acima de 40 anos, tem como principais sintomas falta de ar, tontura, desmaio, vômitos, fraqueza, ansiedade e palpitações.

De acordo com dados do Ministério da Saúde, 300 mil pessoas sofrem infartos todos os anos no Brasil e em 30% dos casos a doença é fatal. Neste post, você vai conhecer um pouco mais sobre as causas e os sintomas do ataque cardíaco e, principalmente, aprender como evitar infarto. 

O que é possível fazer para evitar um infarto?

São diversas mudanças de hábitos que podem fazer a diferença em sua saúde, indo desde se alimentar corretamente, até parar de fumar e conhecer o histórico familiar de doenças na família. Confira nossas 3 dicas a seguir!  

1. Tenha uma dieta balanceada

Não é novidade para ninguém que uma dieta balanceada contribui para a saúde e diminui riscos de diversas doenças. Nesse caso, as doenças relacionadas à alimentação que são fatores de risco para o infarto são: pressão alta, diabetes, colesterol alto e obesidade. Lembrando que todas essas doenças têm como principal causa a alimentação inadequada.

Portanto, atente-se para se alimentar adequadamente e fornecer uma alimentação correta para sua família, isto é, uma alimentação rica em fibras, frutas, vegetais em geral, cereais, gorduras boas e muito mais! O ideal é consultar um nutricionista ou nutrólogo para lhe orientar nessa mudança de hábitos alimentares.

2. Pratique exercícios físicos

Assim como a alimentação saudável, a prática de atividades e o combate ao sedentarismo também contribuem para diminuir as chances de índices como pressão alta, colesterol e obesidade.

Exercite-se no mínimo 3 vezes por semana por cerca de 1 hora ou, se preferir, caminhe 30 minutos diariamente. Existem muitos tipos de exercícios para todos os gostos, o importante é escolher aquilo que é agradável para você e praticá-lo com regularidade.

3. Vá ao médico regularmente

Todos os cuidados apontados anteriormente fazem grande diferença na prevenção de doenças. Porém, é essencial fazer check-ups, ir a consultas médicas e fazer exames de sangue regularmente, pois são uma ótima maneira de saber o que não vai bem em seu corpo e prever possíveis doenças baseadas nos resultados dos exames.

Isso é importante principalmente para pessoas que apresentam o histórico familiar de doenças cardiovasculares. No entanto, ir ao médico regularmente vai muito além do risco de infarto. São diversas doenças que podem ser diagnosticadas e tratadas com simples consultas médicas periódicas.

O que fazer caso alguém esteja tendo um infarto?

Saber exatamente como agir e tomar uma boa atitude quando alguém estiver tendo um infarto pode fazer uma diferença enorme e significar a vida de uma pessoa. Sendo assim, caso alguém apresente os sintomas de infarto (falta de ar, tontura, desmaio, vômitos, fraqueza, ansiedade e palpitações), prossiga com os seguintes cuidados:

  • ligue imediatamente para o corpo de bombeiros (193) ou SAMU (192);

  • não deixe que a pessoa faça qualquer esforço físico;

  • não forneça comida ou bebida para ela;

  • em situação de desmaio, afrouxe as roupas da pessoa e deixe-a em uma posição confortável;

  • caso a pessoa não apresente respiração ou batimentos cardíacos, comece uma massagem cardíaca imediatamente.

Portanto, é indispensável saber como evitar infarto tomando cuidados que vão desde alimentação saudável, prática de exercícios físicos até consultas médicas e muito mais. Além disso, esteja preparado para socorrer alguém em situações de infarto. Dessa forma, é possível manter sua saúde e a de sua família.

Gostou do artigo? Então, o que está esperando para assinar nossa newsletter e ficar por dentro de assuntos relacionados à saúde e bem-estar? 

Postado em 05/07/2018.

Se preferir, agende por Telefone ou Whatsapp: (11) 96924-5563 11 4800-3777


menu agende Agende um exame ou consulta Resultado de Exame